0
Michel Temer e Silvio Santos, respectivamente (Foto: Montagem)
O Governo Federal está tentando aprovar no Congresso o texto da Reforma da Previdência. Entre as mudanças que estão sendo propostas pelo governo está a implantação de uma idade mínima para a aposentadoria.

O argumento é de que o setor previdenciário está em déficit, e que nos próximos não haverá como pagar os aposentados caso a reforma não seja aprovada.
Esse é o teor dos comerciais que o SBT passou a exibir a partir dessa sexta-feira (21) em sua programação. Em anúncios curtos, de 10 segundos, a emissora está literalmente fazendo campanha pela reforma de Michel Temer.
Você sabe que se não for feita a reforma da Previdência, você pode deixar de receber o seu salário?”, diz o locutor do canal em um dos anúncios. Em outra versão, a emissora sugere que, caso não seja aprovada a reforma, o Brasil “quebra”.
A medida foi posta em prática um dia depois de um encontro entre Silvio Santos, dono do SBT, com o Presidente da República, Michel Temer.
O político pediu a ajuda do dono do baú para dizer aos brasileiros que a reforma é necessária para o país. Parece que deu bastante certo

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário. Não publicamos neste blog comentários com palavras de baixo calão, denúncias levianas e troca de ofensas entre leitores.