0
No Conexão Repórter da próxima segunda-feira, 02 de abril, Roberto Cabrini fica frente a frente com Mikael Medeiros, o garoto de 19 anos que virou centro de uma disputa brutal pelo poder. No país da corrupção, um menino franzino está no meio de um barril de pólvora. Ele decide quebrar o silêncio e conversa com o jornalista, que viajou até Planaltina de Goiás, a 61 km de Brasília, para mostrar quem é o rapaz que se diz perseguido e hoje vive escondido em um bairro afastado. O programa mostra como ele foi de um emprego simples em uma ótica à carreira meteórica no suntuoso prédio do Ministério do Trabalho. E, depois, à demissão sumária. Um jovem com quase nenhuma experiência, colocado em um cargo estratégico, acusado de liberar verbas milionárias de contratos suspeitos.

 Foto: Divulgação/SBT

Cabrini conversa com Mikael e com seu pai, acompanhando a rotina dos dois por uma semana em busca de fatos sobre o submundo da política nacional. Nas cercanias de sua casa, marcas de uma infância de sofrimento que em nada lembra o esplendor arquitetônico da Esplanada dos Ministérios. O jornalista exibe os diferentes mundos de Mikael: A mãe, pobre. O pai, classe média-alta. A relação entre a escassez e o caráter e qual o peso disso nos rumos que ele iria tomar. O telespectador vai acompanhar qual foi o papel do rapaz em uma engrenagem de pagamentos escusos. Um manipulador ou um injustiçado?
CONEXÃO REPÓRTER
Nesta segunda, às 23h15

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário. Não publicamos neste blog comentários com palavras de baixo calão, denúncias levianas e troca de ofensas entre leitores.