0
Logo do SBT (Foto: Reprodução)
Logo do SBT (Foto: Reprodução)
Os fãs da novela Que Pobres Tão Ricos estão revoltados nas redes sociais contra o SBT, que barrou dois personagens homossexuais e a trama gay na história que é levada ao ar nos fins de tarde.
A trama mexicana vem sofrendo com vários cortes para se readaptar. A novela foi produzida pela Televisa em 2013 e os personagens Diego e Eric chegaram a ter um beijo gay vetado pelo canal mexicano.
Sua produtora optou por deixar apenas a história dos dois ser contada de forma mais “leve”. O SBT, por sua vez, preferiu cortar até mesmo esse enredo do casal, deixando como se eles não existissem.
A trama conta a história de amor entre Lupíta Menchaca, de uma família pobre, e Míguel Angél Ruizpalacios, um milionário que morou em Londres mas volta para o México para administrar os negócios da família.
Casal gay foi tirado da novela no SBT (Foto: Reprodução)
Nela, duas famílias precisam conviver juntas, uma delas é a tradicional e milionária família Ruizpalácios, e a outra, a família dos Mendonça, de classe média baixa.
A matriarca da família rica está doente, e passa os bens para o neto que estiver casado e tiver um filho do sexo masculino.
Miguel Angelo e Alex, primos, começam então uma disputa, mas Alex enquadra falsamente o primo em um crime de fraude, o que faz com que percam suas fortunas e sejam obrigados a morar com a família Mendonça, de classe média.
Sem ter para onde ir, Miguel vai parar na casa de Sr. Jesus Mendonça, um ex-lutador que no auge de sua carreira conheceu Aureliano Ruipalacios de quem comprou o imóvel onde vive até hoje.
No entanto, nunca conseguiu pagar a dívida que deve para a família e, pelo fato da casa funcionar também a academia de ginástica que é o ganha pão da família, Jesus terá que receber a ex família rica.
As novelas mexicanas são exibidas de segunda a sexta durante as tardes no SBT. 

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário. Não publicamos neste blog comentários com palavras de baixo calão, denúncias levianas e troca de ofensas entre leitores.