0
Nesta terça-feira, 07 de maio, o ator americano Justice Smith é o convidado do The Noite. Ele fala sobre seu personagem no longa “Pokémon: Detetive Pikachu” e os desafios que enfrentou por contracenar com computações gráficas: “foi difícil de fazer, porque era eu falando com nada. Um cara de roupa verde com uma bolinha de tênis correndo atrás de mim”. Sobre ser o único que entende o que Pikachu fala durante o filme, brinca: “sou o Eddie Murphy (Dr. Dolittle) dos Pokémons”. Ainda a respeito da produção, esclarece: “esse filme se baseia em um jogo, vem parte do desenho original, mas é meio que uma história independente”. Questionado sobre ter o ator Ryan Reynolds como a voz de Pikachu, diz: “ele improvisou muito, é muito engraçado”.

 Foto: Lourival Ribeiro/SBT

Justice também fala sobre outros trabalhos, como sua participação na série The Get Down e comenta: “a parte de música, hip hop, foi super difícil pra mim. Demorei um mês treinando”. Sobre ser confundido com o filho de Will Smith, afirma: “teve um motorista que disse ‘já dirigi pro seu pai’. Ele achava que eu era o Jaden Smith. Ele estava tão animado que não quis cortar isso”. Sobre sua vocação artística, recorda: “quando eu era pequeno, adorava mentir. Isso foi um período longo da minha vida, por isso sempre gostei de atuar. No colegial, uma vez, entediado na aula, eu saí da sala e a professora ficou brava. Falei que saí porque recebi uma mensagem da minha mãe falando que estávamos sendo despejados da nossa casa. Foi uma mentira mórbida”, lembra. 

THE NOITE
Nesta terça, logo após o Cine Espetacular

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário. Não publicamos neste blog comentários com palavras de baixo calão, denúncias levianas e troca de ofensas entre leitores.